Operação apreende documentos da Prefeitura de Manhuaçu

 

Hoje (6/12), antes das 07 horas a polícia já estava na entrada da Prefeitura de Manhuaçu para dar apoio a uma ação do Ministério Público que cumpre mandados de busca e apreensão. A operação é coordenada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MP com apoio da Polícia Militar e Polícia Civil.

Também são realizadas vistorias em empresas, casas e em outra cidade.
A ação desencadeada pelo Ministério Público investiga denúncias de irregularidades em procedimento licitatório de parte da Feira da Paz, realizada em novembro. Não temos ainda detalhes, o MP e a prefeitura ainda não se manifestaram sobre a operação.

São investigadas contratações realizadas pela Prefeitura de Manhuaçu e a Secretaria de Cultura e Turismo, responsável pela organização do evento.

NOTA OFICIAL DA PREFEITURA DE MANHUAÇU

A respeito da operação de busca e apreensão desencadeada nesta quarta-feira (06/12) na Prefeitura de Manhuaçu e na Secretária de Cultura e Turismo, é importante esclarecer que a Administração Municipal sempre esteve à disposição do Ministério Público ou qualquer órgão fiscalizador, inclusive com a publicação de todas as licitações no portal da transparência e qualquer cidadão pode ter acesso a essas informações.

Quanto ao Pregão Presencial realizado publicamente para a Feira da Paz, a administração reitera que tem adotado todos os mecanismos para garantir o máximo de transparência em seus atos, permitindo a fiscalização e o controle pelo Tribunal de Contas do Estado, Ministério Público e os cidadãos.

A Administração Municipal reitera a confiança integral na Comissão Permanente de Licitação, que atua há mais de doze anos na Prefeitura Municipal, bem como no trabalho da Secretaria de Cultura e Turismo do município.

Vale ressaltar que todos os documentos solicitados até agora sempre foram entregues no prazo e na forma solicitados ao Ministério Público de Manhuaçu.

Por fim, cumpre destacar que a Prefeitura de Manhuaçu está à disposição do MP e espera o esclarecimento dos fatos o mais rápido possível.

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here