Lembranças de Nova York

28

As imagens teimam em permanecer em nossa retina. Na manhã do dia 11 de setembro de 2001, uma terça-feira, os Estados Unidos sofreram o mais sangrento golpe do terrorismo internacional. Dezenove terroristas sequestraram quatro aviões de passageiros, lançando-os contra as chamadas Torres Gêmeas do World Trade Center, na cidade de Nova York. Os dois edifícios viraram pó em duas horas. Um outro avião foi jogado contra o Pentágono, a sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, nos arredores da capital, Washington. O quarto avião caiu na Pensilvânia, depois de alguns de seus passageiros e tripulantes terem tentado retomar o controle da aeronave dos sequestradores. O resultado foi quase três mil pessoas mortas durante os ataques.

Será que há lições que podemos ainda recolher daquele tristíssimo episódio? Certamente. E a primeira é que “o mundo jaz no Maligno” (1Jo 5.19). Muitas pessoas zombam da doutrina do pecado, mas 11/09 nos mostrou, de novo, de quanta maldade o ser humano é capaz.

A segunda lição é que neste mundo não existe lugar absolutamente seguro. Lembro-me de uma jovem brasileira morando em Nova York, a quem um repórter perguntou se ela iria continuar morando nessa cidade, ela respondeu: “Não; estou voltando para o Brasil”. Na terra não há lugar 100% seguro.

Uma outra lição é que toda crise constitui oportunidade para que olhemos para cima. Várias causas contribuem para um despertamento espiritual, entre elas está o fator guerra. Depois da guerra da Coreia, as igrejas cresceram tanto ali que hoje a maior igreja do mundo se acha na Coreia do Sul. Angola lutou muitos anos com uma guerra civil; e foi quando o evangelho mais cresceu.

Outra lição a lembrar é que podemos morrer a qualquer momento. No fogo ou na água, por acidente ou por crime, por enfermidade, por terremoto, ou simplesmente dormindo. Por isso, Amós avisou: “Prepara-te, ó Israel, para te encontrares com o teu Deus” (Am 4.12).

Pr. João Soares da Fonseca

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui