É difícil acreditar…

42

Mas ainda existem pessoas que deixam claro ter o desejo de ser como as outras, no sucesso, na alegria, na felicidade… Que julgam as outras ter. Nenhuma, entretanto, é capaz de se colocar no lugar daqueles que tem dores, problemas e sofrimentos. É fácil disto fugir, simplesmente dizendo, que ninguém é capaz de saber o que a outra está sentindo, sofrendo, mas é claro que do sucesso, da alegria e da felicidade, são capazes de saber e sentir.

Deixando a hipocrisia de lado, somos somente capazes de dizer aos outros que não sabem de como temos sofrido, como é difícil administrar a dor e a perda. Jamais conseguirão entender o que estamos passando ou sentindo, mas em momento algum também somos capazes de buscar dividir nosso sucesso, porque afinal de contas, por ele nós é que lutamos, nós é que vencemos. E se é fruto de nossa vitória, só nós é que a temos, até porque os outros não conseguirão avaliar o quão importante nos é e difícil nos foi. Ninguém deve esquecer isto sim, que quando lutávamos e buscávamos a vitória, lhes contamos de nossas dores, derrotas e perdas. Agora ninguém precisa que conte, basta que vejam e que reiniciem todo processo de ter o desejo de ser, agora como nós, os outros, no sucesso, na alegria, na felicidade.

É difícil acreditar… Que mesmo que os exemplos se repitam a toda hora, todos os dias, ainda possamos esquecer de que somente teremos a felicidade, se soubermos fazer também aos outros felizes. É difícil acreditar que alguém possa esquecer de que para viver, é preciso também dar vida aos outros, tal e qual um dia recebeu a sua.

Se um der primeiro o pão e depois outro a água, um as trevas e outro a luz, um primeiro a lágrima e depois outro o sorriso… É difícil acreditar… Mas seria muito bom se soubéssemos ser, sempre, o outro. 

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui