Marcos Mion fala sobre filho especial: “Romeo é uma criança com dificuldades de desenvolvimento”

212

Marcos Mion veio a público pela primeira vez falar sobre as dificuldades de desenvolvimento do filho mais velho, Romeo. Em depoimento no Facebook, ele falou sobre a dificuldade do diagnóstico do menino, que está dentro do “spectrum autista”, mas que “segue evoluindo e aprendendo no seu ritmo”.

— Sim, nos seus primeiros anos de vida, eu e minha mulher, Suzana, percebemos que nosso filho mais velho, Romeo, é uma criança com dificuldades de desenvolvimento. Demorou algum tempo para termos essa certeza porque ele não se encaixa em nenhum diagnóstico e segue evoluindo e aprendendo no seu ritmo. Todos especialistas dizem que ele não é autista, não é asperger, enfim, que ele não é nada além de uma criança que se encaixa na sigla NOS – Not Otherwise Specified, que significa “Sem Outras Especificações”, mas que faz parte do spectrum autista.

Para Mion ter um filho como Romeo significa “amor incondicional e puro, com mais respeito, paciência e valores” e faz um apelo aos pais de crianças especiais que estimulem, apoiem e “nunca parem de acreditar nos seus filhos”.  9k6aj9qxzc_87q2769wq6_file

— Qualquer criança que pertence ao spectrum, seja qual for a especificação, tem uma luz única, diferente e seu caminho é ilimitado! Peço, de coração, para que os pais nunca parem de acreditar, independente de um rótulo, e estimulem sempre seus filhos especiais, pois eles têm muito a nos ensinar. Eles só precisam de amor e apoio.

No depoimento, Mion ainda esclarece que decidiu morar em Miami para que Romeo pudesse se desenvolver dentro de um tratamento com o qual ele e Suzana Gullo se identificaram muito.

— Sempre sou questionado do porquê fiz a segunda base da minha familia em Miami e porque passamos tanto tempo aqui. Essa mudança aconteceu, porque aqui encontramos uma especialista que desenvolveu um método com o qual nos identificamos muito, que foi essencial para entendermos a situação e para o Romeo ter as melhores condições para firmar suas bases de desenvolvimento. Foi um perfeito complemento ao trabalho dos médicos e todos profissionais brasileiros que trabalham com a gente.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui