Conselho prepara o 2º Fórum de Educação Inclusiva em Manhuaçu

532

O Conselho Municipal de Educação de Manhuaçu e a Secretaria de Educação da Prefeitura de Manhuaçu preparam o 2o Fórum de Educação Inclusiva, para debater a importância da inclusão, temática cada vez mais presente no ambiente de ensino. O evento acontecerá no próximo dia 10 de setembro, no Anfiteatro da Câmara de Vereadores.

A partir das 7h30 inicia-se o credenciamento. Professores, educadores e gestores ligados à área poderão participar, entre outros profissionais, por se tratar de assunto relevante, novo e que preocupa pais e até mesmo educadores, que sentem dificuldade para lidar com alunos que precisam de mais atenção.

O Conselho, juntamente com a Secretaria Municipal de Educação, tem sido procurado constantemente, para tratar da questão relacionada ao crescimento da procura de pais, para conhecer um pouco mais sobre a inclusão e, por ter em casa alguém com necessidade especial. Atualmente, já se tornou realidade nas redes públicas de ensino alunos com necessidades especiais frequentarem a escola em salas de aula, com inclusão. Isso é importante para que, independentemente do tipo de deficiência e do grau de comprometimento, estes estudantes possam se desenvolver social e intelectualmente na classe regular.

Durante a reunião mensal do conselho, houve debate e a formação das comissões para iniciarem o trabalho nos próximos dias, mobilizando toda a comunidade escolar, pais e professores para participarem do 2Fórum, que terá como tema central ‘Distúrbios Na ou Da Aprendizagem’. Para isso, a comissão convidou um médico neuro pediatra e uma fonoaudióloga especialista em autismo e em gestão sobre Inclusão, para debater o assunto junto aos participantes, sobre como lidar com alunos que tem esses distúrbios.

A presidente do Conselho, professora Celeste Fraga, explica que na parte da manhã os profissionais abordarão o tema, e, à tarde será focada a questão relacionada à leitura nas escolas.

Alunos dos ensinos fundamental e médio não têm vocação para ler, e, com a participação de todos os profissionais discutindo o tema, torna–se fundamental abrir um novo espaço para ampliar a discussão acerca da Inclusão. Também será feita abordagem do tema “desgosto pela leitura na escola”, que gera preocupação devido a tantos alunos que sequer buscam uma boa leitura, para melhorar o conhecimento.

“É um conceito amplo. Devemos atinar por uma leitura mais interativa e, tentar descobrir junto com os professores o motivo que está levando os alunos a não gostarem de ler”, disse a presidente Celeste Fraga.

As inscrições podem ser feitas por meio do preenchimento de fichas, que estão sendo encaminhada para as escolas e instituições. Para mais informações, os interessados podem ligar para (33) 3332-3636 e falar Maria de Fátima Mayrinck, Fabiana e Kênia Francini.

Eduardo Satil (Comissão de Divulgação)

Secretaria de Comunicação Social de Manhuaçu

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui