Começou dieta e a família não apoia? Saiba o que fazer

91

“Poucas pessoas pensam — mas todas têm opiniões.” (George Berkeley)

Experimente falar para alguém que você está comendo menos carboidratos (como numa dieta low-carb), que está evitando glúten porque tem alguma sensibilidade a ele, ou que começou uma nova atividade física.

Invariavelmente, quase todas as pessoas vão ter alguma opinião para te dar — sem que você tenha solicitado essa opinião em nenhum momento.

Essa é a natureza humana, e não adianta brigar com a realidade: as pessoas vão falar as opiniões delas, mesmo se não tiverem nenhum embasamento.

E pior: infelizmente, boa parte dessas opiniões são críticas, que vão desencorajar você.

Neste artigo, você vai aprender:

  • Por que as pessoas criticam sua dieta,
  • Algumas frases comuns que você pode ouvir, e
  • O que responder nestes casos.

Por que a família critica sua dieta

É importante lembrar que existem diversos possíveis motivos para as pessoas criticarem sua alimentação e dieta.

Mas vamos ver, agora, dois dos motivos mais comuns.

Motivo #1: Elas se importam de verdade com sua saúde e sua felicidade, mas duvidam do seu plano

Essas pessoas querem ver você saudável e magra.

No entanto, elas discordam da estratégia que você está usando.

Neste caso, é importante saber o que você está fazendo: por exemplo, saber explicar por que você não precisa comer um monte de carboidratos, ou por que não é necessário comer de 3 em 3 horas.

Motivo #2: Elas ficam desconfortáveis com você fazer uma mudança 

Esta opção é dura de admitirmos, mas é bastante real.

A verdade é que, quando você faz uma mudança, na frente de todas as pessoas, algumas podem ficar incomodadas ao ver que você está agindo — enquanto elas continuam estagnadas.

Então, entenda: muitas  vezes, o desconforto vem simplesmente de você mostrar para todos sua determinação e comprometimento.

Só que é menos socialmente aceitável elas admitirem isso.

Então, elas muitas vezes vão direcionar os comentários a um destes 3 elementos.

  1. A você como pessoa (“mais uma dieta?”, “De novo?”)
  2. A sua estratégia (“vi no UOL que essa dieta mata do coração.”)
  3. Aos seus resultados (“já está muito magra.”, “não precisa de dieta.”)

São diversos comentários que você pode ouvir.

Por isso é importante saber o que responder.

Como Responder Às Críticas À Sua Dieta 

Não existe um método universal para responder todas as críticas.

Isso vai depender do que está sendo dito, e também do tom de voz e intenção da pessoa.

Geralmente, é uma boa ideia seguir uma certa “escala de respostas” — isto é, devolver para a pessoa a mesma energia que ela enviou.

(Se ela se mostrou curiosa, você pode ter mais paciência e explicar. Se ela foi ofensiva, você pode ser mais direta na resposta também.)

Por exemplo, se a pessoa pergunta “mas o que é dieta cetogênica? Não é perigoso?”

Você pode explicar a ela que a cetose é um estado natural do corpo, e que essa dieta é usada há décadas com muito sucesso — tanto para emagrecer, quanto para tratar questões neurológicas.

Dar explicações demais é algo que devemos fazer com certo cuidado.

Porque logo pode ficar cansativo e chato (para você e para sua família) você ficar “palestrando” a cada encontro ou reunião que vocês tiverem.

Por isso, é valioso se lembrar de que não cabe a você ficar “dando aula” sobre sua alimentação.

E que o seu papel — se for mudar algo ou alguém — é na forma de inspiração e exemplo.

Ter isso em mente vai poupar muita dor de cabeça.

Outra alternativa quando ver as pessoas sendo muito intrusivas é simplesmente ignorar as perguntas.

Isto vai desde fingir que não ouviu até simplesmente mudar de assunto.

Você pode falar do clima, do futebol, ou simplesmente dizer “cada um sabe o que faz’. Não estou dando palpites no seu prato, não quero receber sobre o meu”.

Vamos ver agora algumas frases reais que você pode escutar.

Frases reais — e como responder

Vamos ver agora 3 situações ou críticas que você pode receber — e como responder a cada uma delas.

Crítica 1: “Você vai desistir”

Uma das mais comuns que você pode ouvir — especialmente se já tentou outras dietas no passado é aquela clássica:

  • “Toda vez você fala que vai fazer dieta e desiste”, ou então
  • “Mais uma dieta? Não vai dar certo, de novo”.

Esta é uma das mais difíceis de responder — especialmente para quem de fato começou e parou diversas dietas no passado.

Então, você vai ter que conseguir provar com ações que desta vez realmente é diferente.

Mas duas coisas que você pode perguntar para quem falar isso são as seguintes:

Opção 1: “O que teria que acontecer para você acreditar que desta vez de fato é diferente?”

Com esta pergunta, você tira o foco das coisas que aconteceram no passado (as dietas que você começou e desistiu).

E passa o foco para o momento presente: “o que tem que acontecer agora para você acreditar em mim”.

Opção 2: “Eu imagino que você quer me ver feliz e com saúde. Mas como você acha que eu me sinto quando você fala isso?”

Esta opção ajuda a pessoa com quem você está falando a se colocar no seu lugar, e perceber que ela está sendo grossa e indelicada.

Com alguma sorte, isso vai ser o bastante para que ela te deixe em paz.

Crítica 2: “Você já está magra”

Geralmente vem em alguma destas formas:

  • “mas você já é magrinha.”
  • “Chega, já emagreceu bastante”
  • “Cuidado para não ficar anoréxica”.

Dependendo da insistência da pessoa, você pode responder de diversas maneiras.

Vamos exemplificar 4.

Opção 1: “Obrigada pela preocupação, mas para mim não é sobre ser magrinha: eu faço isso pela saúde. Você não acha importante ser saudável?”

Esta é uma boa opção, porque dificilmente alguém vai discordar de que “ser saudável” é bom.

Opção 2: “Obrigada pela preocupação, mas eu estou comendo tudo o que eu tenho vontade. Não estou passando vontade e nem necessidade alguma. Você está bem também?”

Esta opção deixa claro que, para você, comer desta forma (por exemplo, com menos carboidratos e mais comida de verdade) não é um sacrifício.

Opção 3: “Sim, e foi com esta exata estratégia que eu fiquei magrinha. Mantenho porque me sinto bem e feliz. Obrigada pela preocupação.”

Esta opção lembra a pessoa que você emagreceu justamente porque seguiu uma boa estratégia, e que agora virou seu estilo de vida.

Ela deixa claro que a sua dieta (low-carb, por exemplo), funciona muito bem.

Opção 4: “Sim, eu estou magrinha… e você? Nunca pensou em fazer dieta?”

Esta é uma opção bem agressiva e serve para quando você quiser encerrar o assunto. 

É indicada apenas para quando a pessoa estiver sendo muito chata com você — porque geralmente vai levar a atritos e conflitos.

Crítica 3: “Você está enjoada e chata”

As pessoas podem reclamar que você já não come como eles, que não toma tanta cerveja, e que está mais seletiva.

Este é um dos raros casos em que pode ser uma boa ideia ir direto na resposta incisiva. 

Afinal de contas, a pessoa já começou atacando você, e chamando de “enjoada e chata”.

Duas formas de abordar são as seguintes.

Opção 1: “O que exatamente tem de enjoado e chato em eu cuidar da minha saúde?”

Lembre a pessoa o porquê de você se alimentar dessa forma. Ela deveria ficar com vergonha de te julgar por você estar se cuidando.

Opção 2: “Por que o que eu como te incomoda tanto? Será que o problema realmente está no meu prato…  ou está em você?”

Esta opção serve para deixar bem claro o que está acontecendo: a pessoa atacou você porque ela não gostou do que você está comendo ou deixando de comer.

Como lidar com críticas à dieta: conclusão

Hoje, você viu que existem diversos tipos de críticas (a você, ou à dieta, por exemplo). 

E que algumas são mais mal educadas do que outras.

Também viu que existem diversas formas de responder — e até mesmo alguns exemplos prontos para você usar no dia a dia.

Com o tempo, você vai criando seu próprio repertório de frases — e ligando cada vez menos para o que os outros falam.

O mais importante é você encontrar um estilo de vida que deixe você saudável e feliz — ligar para o que os outros falam é secundário e não deve abalar o seu foco.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui