Como proporcionar uma ótima qualidade de vida ao seu animal de estimação?

40

Possuir um animalzinho de estimação é como criar dentro de casa um pedacinho de alegria, para nós amantes dos pets, até mesmo as mais simples atitudes e poses do bichinho é suficiente para arrancar um riso ou um “nhoow que fofinho”.

O que nem todos falam, é que junto com as coisas boas também assumimos algumas responsabilidades e obrigações quando decidimos adotar um pet.

Todos esses deveres vão muito além de fornecer alimento e abrigo, para criar um animal da maneira correta, você precisa ir muito além. Se estiver interessado em mudar a qualidade de vida do seu gato, cachorro, ou ave de estimação, veio ao local correto, neste artigo contém tudo que os pais de pet precisam saber para proporcionar aos animais um confronto enorme.

Cuide da saúde de seu animal

O primeiro passo para estabelecer uma boa qualidade de vida para o seu pet, é entender que o organismo animal é assim como o nosso, e necessita de todo o tipo de cuidado preventivo e paliativo.

Com isso em mente o primeiro passo é estabelecer uma boa rotina de visita ao médico especializado, ou seja, o veterinário, para os animais que possuem menos de 8 anos de idade o indicado é que as visitas sejam uma vez por ano fazendo um check up completo, para os animais já considerados idosos, indica-se de duas a três vezes por ano, com exames mais precisos como, coleta de sangue, raio-x e ultrassom veterinária.

Estabeleça uma boa dieta 

Assim como já foi dito, o organismo animal é repleto de semelhanças com o humano, e se você deseja ver o seu pet saudável, brincalhão, feliz e bonito o tempo todo, o primeiro passo para isso é elaborar uma dieta que seja completa.

Uma boa dieta passa muito longe de apenas alimentá-lo com ração ou então subir a quantidade de comida por dia.

A ração é sim essencial, pois, permite que em apenas uma refeição o animal tenha acesso a minerais, vitaminas e nutrientes de qualidade em um só lugar, porém, mesmo assim é necessário ficar atento às especificidades do peludo.

Alguns pets já nascem com a falta de algum nutriente ou então com uma predisposição a determinadas doenças, o que vai fazer que caiba a você contornar estes problemas para que a situação não se agrave.

Um ótimo método de equilibrar todos os nutrientes, é fazendo o uso de suplementos alimentares.

Exercícios 

A prática de exercícios regulares por parte do pet é essencial para manter o bom funcionamento do organismo e principalmente, fazer com que a musculatura não sofra danos graças ao sedentarismo.

Os cães e gatos, são animais essencialmente carnívoros, ou seja, em seu código genético existe a prática de corridas e caças quase que diariamente. Ao serem confinados dentro de uma casa ou apartamento, sendo alimentados com o pote de ração, vai contra toda a sua ancestralidade e o que nasceu para fazer.

A falta de exercícios vai diminuir muito a expectativa e qualidade de vida do animal, não apenas no quesito físico, a ausência de práticas como corridas, longas caminhadas e caças vai fazer com que o animal fique mais estressado, impaciente e violento.

Proporcione lazer ao seu animal

A prática de exercícios e o lazer andam sempre juntas, pois ambas se baseiam na mesma premissa de aliviar o estresse e desenvolver a musculatura e circulação.

O lazer e divertimento vai além de fazer carinho e jogar a bolinha,  é necessário também estimular os instintos e aprimorar a habilidade mental do animal.

Por mais que pareça uma tarefa muito complicada e trabalhosa, na verdade exige muito pouco do dono ou quase nada. Atualmente já existem diversos brinquedos interativos que são desenvolvidos justamente para estimular estas áreas. São encontrados em qualquer pet shop ou loja de rações e agem diretamente ativando o extinto de caça e estimulam a perseguição.

Gere um ambiente o mais natural o possível

Por mais que seja uma tarefa que muitas vezes é impossível, se você deseja realmente que seu animal possua uma excelente qualidade de vida, você deve o proporcionar um ambiente que se assemelhe o máximo possível ao seu habitat natural.

Existe uma coisa chamada memória genética, que é muito presente em cachorros, principalmente em gatos, todos os seus hábitos e ações foram desenvolvidos voltados para a natureza, a liberdade. E não há como mudar quem eles são.

Entendemos a situação que nem todos podem proporcionar um jardim onde o gato ou cachorro pode correr livre, interagir com as plantas e caçar insetos ou pequenos animais, mas mesmo assim, existem algumas atitudes que se encaixam até mesmo nos moradores de apartamentos que geram um grande efeito na qualidade de vida do animal.

Como comprar um playground para gatos, com arranhadores, esconderijos e locais altos para manter a vigilância.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui