DENTRO DA MINHA TOCA, SOU SOUBERANO

24

Juarez Alvarenga 

        Sabemos que nosso interior é nossa morada definitiva. É necessário ser um lugar sublime e arejado. É, onde  descansamos dos outros e do mundo e congratulamos com a vida.

        Um lugar amaldiçoado, não nos leva a felicidade plena. Nossa caverna, deve ser um lugar confortável, onde cabe nossos sonhos e os instrumentos para raptá-los.

        Hoje, meu interior está fixado e quatro sustentáculos sólidos e capazes de suportar qualquer tempestade. É um circo, onde a cada instante faço acrobacias com os problemas vivenciais. Meu intimo se esconde em quatro metros quadrados. Enfrentei leões ferozes, totalmente desarmados e sobrevivi. Foi uma luta desigual, mas valida. Expulsei assombração dos espaços negros. Retirei, por longos anos, luzes que clareava meu destino. A fonte geradora de satisfação foi suprimida por falta de motivação.

        Este mundo de crueldade psicológica, foi fragmentado e seus pedaços, sepultados definitivamente. Hoje, num espaço invejável moro num mundo cinco estrelas. Todo amanhecer, o sol penetra, suavemente, e mim expulsa da cama, para a batalha hoje armado. A fonte suprimida renasce com abundancia de otimismos. Locomovo no meu mundo intimo, com a desenvoltura, de uma locomotiva nos trilhos da sabedoria. A lua festeira, anuncia a cada anoitecer, que está na hora de captar estrelas. A época de caçar problemas desapareceu. Hoje, trago presa morta nas minhas investidas certeira sobre a testemunha do sol latente.

E tudo mudou, para melhor, no dia em que eu mesmo resolvi reformar meu intimo. O trabalho parecia demasiadamente agonizante. A tarefa sem solução. Como trabalhador, que aproveita a claridade solar, para agir corajosamente e destemidamente, construir o mundo de meus sonhos. À noite, sobre a escrivaninha e a luz de mercúrio, idealizo meus sonhos, como os poetas, e, de dia reafirmo meu compromisso com eles e passo a executar, pacientemente e firmemente. Este mundo atual é obra minha, mas nascido da experiência e não do estalo da criatividade. As paredes, hoje, com novos coloridos ressuscitam o prazer de viver. Por isto não tenho necessidade de sair de mim para nada, pois meu mundo intimo, é uma barreira defensora capaz de suportar bombas atômicas. E, esta fortaleza, foi construída com fragmentos de fragilidade, absorvida no desenrolar de minha existência  onde o mundo, com toda intensidade, invadiu minha caverna, em épocas em que os leões avançavam sobre mim e encontrava, totalmente, desarmado, porém ainda vivo, para buscar a distancia aquela motivação salvadora.

JUAREZ ALVARENGA
ADVOGADO E ESCRITOR
R: ANTÔNIO  B.  FIGUEIREDO, 29
COQUEIRAL     MG CEP: 37235 000
FONE:35 991769329

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui