2 estratégias de vendas para atrair mais clientes

30

Atrair clientes, sem dúvidas, é um dos grandes desafios que as empresas enfrentam, e um de seus principais objetivos. Com a elevada concorrência e competitividade, é preciso adotar estratégias de vendas, que tragam um diferencial diante do mercado. 

Pensando nisso, neste artigo, falaremos sobre duas estratégias de vendas que podem ser adotadas em sua empresa para atrair e conquistar mais clientes. Não deixe de conferir!

Primeiros passos

Para atrair o cliente, o primeiro passo é conhecer essa pessoa – ou melhor, o público. Ou seja, a empresa precisa saber quem é o seu público-alvo, suas preferências, interesses e aspectos que eles consideram relevantes.

Isso pode ser feito por meio de pesquisas de opinião, assim como pesquisas de mercado que sejam voltadas para entender indicadores de gênero, idade, demografia, rendimento, dentre outros aspectos que podem vir a afetar a decisão de compra do cliente.

A partir do momento que a empresa conhece o seu público, ela consegue criar conteúdos e campanhas mais direcionadas, tendo materiais que sejam de interesse dessa audiência. 

Além disso, explorar os meios digitais também se torna uma ação fundamental!

Explorando os meios digitais

O marketing é utilizado como uma ferramenta importante no momento da criar estratégias

para captar e atrair os clientes. 

Por meio dele, campanhas publicitárias podem ser criadas, assim como o investimento em mídia externa, como é o caso de outdoors. 

Com a evolução da internet, o Marketing Digital assumiu uma força muito relevante para o ambiente empresarial.

É por isso que estar nas redes sociais, ou investir na criação de conteúdo online, com a criação de blogs ou sites, é um diferencial para a empresa que deseja alcançar e conquistar os clientes, aumentando sua autoridade de mercado, assim como a credibilidade da marca.

Como a maioria das pessoas está no ambiente digital, as empresas precisam se adaptar a esse processo e investir no marketing criado para o ambiente digital, seja essa ação paga ou orgânica – conforme estratégias e necessidades traçadas/identificadas.

Para aumentar sua visibilidade e ter mais chances de ser reconhecido pelo cliente, existem algumas estratégias que podem ser aplicadas nesse ambiente.

Estratégias orgânicas

Existem algumas estratégias orgânicas, ou seja, não pagas, que podem ser utilizadas no momento de criar ou de consolidar uma campanha de vendas na internet. 

Como exemplo, podemos citar a estratégia do marketing de conteúdo, SEO (otimização por meio das palavras-chaves), site bem estruturado e responsivo, dentre outros aspectos levados em consideração pelos algoritmos dos mecanismos de busca, e que melhoram a experiência dos potenciais clientes nas páginas ou frente as publicidades/conteúdos elaborados.

No caso do marketing de conteúdo, assim como do SEO, existe uma análise das palavras-

chaves e do conteúdo que é do interesse do cliente, levando em conta um texto mais longo,

com intertítulos e com palavras de relevância para o material e clientes em negrito.

No caso de um site responsivo, ele é adaptado para dispositivos móveis e computadores, conforme o canal usado pelos potenciais clientes, e as páginas carregam mais rápido. Por isso, seu site consegue obter boas referências no Google, por exemplo.

Estratégias pagas

Apesar das estratégias não pagas funcionarem muito bem e serem cruciais para o ranqueamento é destaque no ambiente digital, o ideal é que haja a junção entre as dicas que citamos no tópico acima e as estratégias utilizadas em ações pagas/patrocinadas.

Primeiro, falaremos sobre a possibilidade de anunciar nas redes sociais, como é o caso do Instagram Ads e, depois, sobre o Google Ads, que é mais voltado para alavancar um site no processo de ranqueamento nas páginas parceiras e ferramentas desse mecanismo de busca.

O Instagram é uma rede social voltada para a postagem de vídeos, fotos e vários materiais

audiovisuais, que captam milhões de usuários por dia. 

Por isso, investir em um anúncio nessa rede é fundamental para atrair os clientes e promover a venda de um produto de sua empresa, atraindo o olhar do cliente enquanto este navega na plataforma.

Assim como no caso do Instagram, é importante conhecer como funciona o Facebook Ads, que também é uma rede social muito relevante e que está conectada ao Instagram,

permitindo, inclusive, o compartilhamento de postagens e anúncios em ambas as redes. 

Para isso, basta criar uma campanha no Facebook, definindo elementos como:

  • Público-alvo;
  • Área de abrangência ou alcance;
  • Duração do anúncio;
  • Investimento por dia;
  • Melhor horário para a publicação;
  • Palavras-chaves que serão utilizadas.

A partir disso, seu anúncio é criado e a empresa consegue visualizar os insights, ou seja, os

resultados de cada postagem, identificando quem é o público que acessou, o dia da semana e horário com maior movimento e se a campanha está adequada ao público que a marca visa alcançar, dentre outros aspectos.

Outra estratégia importante é saber como anunciar no Google Ads, como mencionado anteriormente. Afinal, isso proporcionará um maior alcance para diferentes públicos e canais por meio da plataforma.

Deste modo, no caso de tentar fazer com que seu site obtenha um melhor ranqueamento no Google, o patrocínio pode ser criado – por meio de critérios de palavras-chave, por exemplo – para que o conteúdo apareça na primeira página, sinalizado como propaganda, no momento em que o cliente realiza uma pesquisa sobre algum termo ou elemento relacionado à marca.

Assim como no caso do Facebook e Instagram, no Google Ads, a empresa cria uma campanha com todas as especificações do público e consegue acompanhar o seu resultado. 

As vantagens são variadas, já que as páginas melhores posicionadas no Google têm maiores chances de obter cliques, um bom desempenho no mercado e, consequentemente, atraindo mais clientes e oportunidades de vendas.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui