Férias de julho devem abrir 16,2 mil empregos

100

Férias de julho devem abrir 16,2 mil empregos temporários no país

As férias de julho devem abrir 16,2 mil vagas de trabalho temporário em todo o país, disse hoje (7) a diretora da Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Asserttem), Jismália de Oliveira Alves. O número representa aumento de 8% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram geradas 15 mil vagas.

Segundo ela, os setores com maior movimento devem ser os de lazer e entretenimento, que englobarão 12,15 mil vagas, com expansão de 15% em comparação a julho de 2010. “A pesquisa demonstra que os setores de entretenimento e lazer vão contratar o maior número de trabalhadores. A indústria também está contratando para o períoodo de férias, só que em um número menor”, disse Jismália. Para os setores de indústria e comércio, a estimativa é de geração de 4 mil novas vagas.

Ela ressaltou que todos os contratos temporários previstos para as 16,2 mil vagas são com carteira assinada. “Portanto, é emprego formal de acordo com a Lei 6.019 (que trata do trabalho temporário nas empresas urbanas).” A previsão da Asserttem é que 10% desses trabalhadores temporários serão efetivados ao final do contrato.

A Região Sudeste, com 8.294 vagas abertas, lidera o ranking nacional, correspondendo a 51,26% do total de empregos temporários projetados para julho próximo. No Sudeste, São Paulo apresenta o maior número de vagas (4.910), seguido de Minas Gerais (1.823) e Rio de Janeiro (1.234). A segunda região com maior previsão de vagas temporárias para julho é o Nordeste (3.167).

Jismália disse que o trabalho temporário é uma atividade importante para a gestão dos negócios das empresas. “A gente percebe que em uma área voltada para o lazer, para o entretenimento, a mão de obra é importante para atender a demanda.”

A coordenadora de Formação e Qualidade do Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes do Rio de Janeiro (Sindrio), Carla Riquet, concorda com Jismália. De acordo com Carla, a capital fluminense deve ter o movimento na área de lazer e entretenimento incrementado pela realização dos Jogos Mundiais Militares, de 16 a 24 de julho. A previsão é que os Jogos Militares reúnam 8 mil participantes no Rio.

 

Agência Brasil

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui