Índice que reajusta aluguéis aumenta na segunda apuração do mês

18

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) ficou em 0,71% na segunda prévia de abril, ante 0,35% no mesmo período do mês anterior, informou hoje (18) a Fundação Getulio Vargas (FGV). O indicador serve como referência para reajustes em contratos de aluguel,

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), um dos três subíndices que compõem o IGP-M, atingiu 0,77%. Na segunda prévia de março, havia ficado em 0,32%. A taxa de variação dos bens finais aumentou de 0,25% para 0,68%. A maior contribuição veio do subgrupo alimentos processados, cuja taxa passou de -0,43% para 1,34%.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), outro componente do IGP-M, registrou variação de 0,52% na segunda apuração de abril, ante 0,43%, no mesmo período de março. A principal contribuição para o acréscimo partiu do grupo vestuário (de 0,18% para 0,96%).

Terceiro componente do IGP-M, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) aumentou para 0,82%. Na segunda prévia do mês anterior, a taxa havia ficado em 0,29%. O índice referente ao custo da mão de obra registrou taxa de 1,13%, ante 0,09% em igual período de março.

Agência Brasil

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui