Produtos furtados recuperados e autores presos-Durandé

43
Foto: Sd Guedes

No dia 19/07 a Polícia Militar foi acionada por um lavrador que havia tido a residência arrombada e furtada enquanto estava trabalhando na lavoura. Os autores levaram uma TV tela plana 14″ marca LG, um aparelho de DVD marca Philips, um receptor de antena parabólica marca Cromus e um par de sandálias novo,cor verde,marca havaianas,nº 37/38.

No dia 20/07 os militares receberam denúncia que dois indivíduos estariam rondando a casa da vítima no dia do furto e que depois eles saíram com uma mochila nas costas. Pelo fato dos denunciados, se tratarem de pessoas contumazes na prática de furto em São João da Figueira, imediatamente os policiais deslocaram ao local e lograram êxito na recuperação dos objetos furtados, que estava na casa do autor maior de idade.

Após encontrarem os objetos os policiais saíram em rastreamento para capturar os autores, tendo os localizados num bar e no momento da abordagem o autor maior de idade estava usando a sandália furtada, porém ambos negaram o furto. Durante o desenrolar da ocorrência a Polícia Militar descobriu que o autor maior, 20 anos, morava com uma menor de 13 anos que confessou perante testemunhas que mantinha relações sexuais com o autor desde seus 12 anos de idade.

Diante dos fatos o autor maior de idade foi preso por receptação, corrupção de menores e estupro de vulnerável, já o menor foi apreendido por receptação. Ambos autores são suspeitos do furto ocorrido numa Escola Estadual no Distrito de São João da Figueira no final de 2011,pois o maior de idade havia vendido um aparelho DVD e um alto-falante que foram furtados nessa Escola para dois menores que foram apreendidos por receptação após o furto. Já o menor foi apreendido em abril de 2012 com outro aparelho de DVD que havia sido furtado na Escola.

Os autores foram conduzidos a Delegacia de Plantão em Manhuaçu, onde o autor maior confessou o furto. O Delegado de plantão solicitou que a menor, 13 anos, amásia do autor maior, fosse submetida a exame ginecológico para comprovação da conjunção carnal. Após essas providências o autor de 20 anos foi autuado em flagrante por furto,corrupção de menores e estupro de vulnerável. O menor foi ouvido e liberado para as Conselheiras Tutelares.

Autor: Sgt Odair

Postado por : Adriano Dias.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui