Rio+20 terá apoio da Finep

128

A Financiadora de Estudos e Projetos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Finep) vai patrocinar com R$ 3 milhões a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que ocorrerá em junho próximo, no Rio de Janeiro.

Acordo com esse objetivo deverá ser assinado no dia 7 deste mês pelo presidente da Finep, Glauco Arbix, e o secretário executivo do Comitê Nacional de Organização da Rio+20 (CNO), Laudemar Aguiar.

O patrocínio da Finep se somará ao de outras empresas, com a finalidade de ajudar o Comitê Nacional de Organização a criar a infraestrutura necessária à realização do evento.

“Empresas públicas e privadas, além do governo federal, estão apoiando o evento, por meio de uma contribuição financeira, que viabilizará ações destinadas a hospedar140 delegações e Chefes de Estado que participarão da conferência”, disse à Agência Brasil a chefe da Coordenação de Cooperação Internacional da Finep, Alice Abreu. Destacou que 50 mil delegados estão sendo esperados para a Rio+20.

Em contrapartida, a Finep receberá espaços em dois armazéns situados no Píer Mauá, para organização de eventos paralelos à conferência oficial. “Além de ser parceira do CNO na Rio+20, a Finep está organizando no Píer Mauá uma exposição, cujo foco é a inovação para o desenvolvimento sustentável. A Finep está selecionando uma série de empresas que tenham importantes produtos, processos, experiências em inovação para o desenvolvimento sustentável”, relatou Alice.

A exposição “Inovação para o Desenvolvimento Sustentável” será montada no Armazém 3 do píer. Alice enfatizou a importância para o governo federal de mostrar ao mundo que, a partir da Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento, a Rio 92, realizada no Rio de Janeiro, em 1992, o Brasil evoluiu. “E isso se dá a partir de processos novos que incorporam a preocupação com a questão verde e o desenvolvimento sustentável”.

Disse, ainda, que acordo assinado com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) permitirá à Finep organizar a cada dois anos eventos internacionais ligados à inovação para a sustentabilidade. O acordo tem a Agência Brasileira de Cooperação, do Ministério das Relações Exteriores, como instituição interveniente.

As empresas que apresentam uma atuação mais forte em tecnologias verdes voltadas à sustentabilidade nos campos econômico, social e ambiental serão apresentadas pela Finep a potenciais investidores no Venture Forum Brasil Sustentável, na Bolsa de Valores do Rio, em 15 de junho. O evento é paralelo à Rio+20. A seleção das empresas está em curso.

O analista da área de investimentos da Finep, Eduardo Lopes, coordenador do evento, disse

que a meta é mostrar que a sustentabilidade pode gerar resultados financeiros. “A gente quer passar a mensagem de que inovação e sustentabilidade são atividades que têm grande potencial de retorno, de lucro”, assegurou

Agência Brasil

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui