Ebola: Guiné-Bissau abre campanha de limpeza em mercado da capital

260

E71FFA746E2A58C5B99B776642B0AD_h301_w430_m2_q80_cvMvAdRrS

“É uma ótima iniciativa, e penso que, continuando assim, vamos atingir a higiene de que necessitamos”, afirmou Vaz que, antes de declarar aberta a campanha, ouviu Hino Nacional guineense tocado pela banda do Exército.

O presidente disse ainda que está na hora de os guineenses “meterem a mão na lama”, expressão muito popular no país, que significa “trabalhar no duro” e foi usada por Vaz na campanha eleitoral, quando prometeu mudar a imagem do país. “O combate à pobreza começa precisamente aí, porque, se não, a doença vai quer cabo da nossa gente”, afirmou Vaz.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui