Lula e Cristina Kirchner se reúnem para resolver impasse das licenças não automáticas

345

brasil-e-argentinaO governo federal esgotou todas as negociações técnicas sobre as licenças não automáticas para alguns produtos importados da Argentina. Na tentativa de encerrar o impasse, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reúne no próximo dia 18 com a presidente da Argentina, Cristina Kirchner.

“Nossos problemas com a Argentina são pontuais. Já se esgotaram as negociações técnicas. O presidente Lula tem uma reunião com a presidenta Kirchner para conversar sobre o assunto”, disse hoje (3) o secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Welber Barral.

Na semana passada o governo brasileiro decidiu impor licenças não automáticas a cerca de 15 produtos argentinos na tentativa de reverter as barreiras impostas pelos vizinhos a mercadorias brasileiras. A decisão não é definida pelo governo brasileiro como sendo uma retaliação.

Mas para o secretário da Indústria da Argentina, Eduardo Bianchi, a atitude brasileira deve ser duramente combatida porque demonstra a falta de cumprimento de acordo por parte do governo do presidente Lula.

De acordo com especialistas, a lista de produtos afetados pelas medidas deve chegar a 15 itens, incluindo autopeças, freios e baterias para veículos. Segundo o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge, o objetivo da decisão brasileira é de assegurar espaço para a mercadoria nacional. O ministro disse que o impasse com a Argentina gera queixas constantes dos empresários sobre a demora nas negociações.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui