Agora é o Melhor Momento Para Investir em Criptomoedas?

43
 

mercado de criptoativos enfrentou o pior trimestre da sua história desde 2011, com uma desvalorização próxima a 60%, o que gerou grande pânico na maioria dos investidores que estão observando o mercado pelo seu preço de tela.

Como sempre, o momento é acompanhado por uma reflexão sobre o motivo pelo qual o preço do Bitcoin está sofrendo. Entretanto, a pergunta mais importante para sabermos quando o mercado irá retornar é: faz sentido essa queda do mercado?

Por que o mercado caiu? Esse primeiro questionamento é importante para entendermos a dinâmica de mercado que vivemos atualmente. O início do movimento de baixa é desencadeado junto à postura mais agressiva do Federal Reserve (Fed), que visa controlar a inflação com aumento da taxa de juros.

Crédito: Crypto Market Cap

É interessante destacar que desde 2020, o mercado cripto começou a apresentar uma movimentação muito similar ao mercado de tecnologia americano, especialmente quando observamos a volatilidade e o retorno desses segmentos, o que justifica a leitura dos investidores institucionais do mercado de cripto, como uma continuação do mercado de tecnologia e sua correção por conta da mudança da taxa de juros dos Estados Unidos.

A alteração econômica possui efeito direto nas empresas de tecnologia americanas, visto que se torna mais caro sustentar os modelos de negócios baseado em estruturas de alavancagem de operação e crescimento contínuo para explicar o valor de mercado.

Quando pensamos para o mercado de criptoativos, essa dinâmica é diferente, os ativos são independentes do cenário dos juros dos EUA para sua adoção e seu desenvolvimento.

De acordo com o report institucional da Coinbase (NASDAQ:COIN) (BVMF:C2OI34), com a visão de eficiência de mercado para as criptomoedas, apenas mudanças nas perspectivas da indústria dos ativos em relação ao que já é esperado, trarão mudanças nos preços. Uma das melhores frases que li nos últimos meses. Hoje o mercado de cripto possui influência muito grande do cenário macro, mas se pensarmos no longo prazo, essa lógica de eficiência de mercado se aplica.

Em outras palavras, a queda do mercado de cripto está mais atrelada a uma interpretação equivocada do mercado tradicional, relacionando o crescimento dos criptoativos aos de empresas de tecnologia americanas, do que uma mudança que afeta a dinâmica de adoção e crescimento desse mercado. O que resulta em um sinal incrível de oportunidade e os analistas que compreenderem, poderão aproveitar muito do mercado.

Nas vezes em que afirmei que acreditava que esse era o melhor momento para se investir no mercado de cripto, a principal objeção que escutei foi: “Mas agora é diferente”. Esse receio tem uma explicação, é a primeira vez que o mercado de cripto sofre com o cenário macroeconômico, passando por uma fase de elevação de taxa de juros, além de sofrer com um risco de uma eventual recessão. Contudo, acredito que seja válido comparar o cenário que vivemos com o bear market de 2018.

Duas coisas são essenciais

“O mercado cripto é composto por pessoas capacitadas e bem capitalizadas resolvendo problemas que ainda não possuem solução”. Essa frase pode definir o mercado de cripto. Em um mercado de baixa, fico preocupado se o mercado possui duas coisas: mão de obra e capital humano para se desenvolver.

Em 2018, observamos a saída de grandes executivos das principais empresas da atualidade que deram origem a grandes empresas de cripto, como Facebook (NASDAQ:META), para criar a Bitwise ou Uber (NYSE:UBER) para criar a Ampleforth. Em termos de capitalização de mercado, a entrada de Venture Capital naquele ano superou todo o histórico anterior do mercado.

Crédito: Veradi Verdict

Até parece que estou repetindo as mesmas frases que utilizo para explicar a razão pela qual acredito ser o melhor momento para investir em cripto. Mas desde quando a Mercurius Crypto foi fundada, observamos uma entrada de mais de US$ 37 bilhões em VCs e dobramos o número de desenvolvedores em Web 3 no último ano.

 

Crédito: The Block Research

Apesar de ser um fator diferente que está derrubando o mercado de cripto, as combinações internas que impulsionam esse mercado são as mesmas que as de 2018, que deu origem ao ciclo de 2020/2021, o qual vivemos recentemente.

Tipos de rounds de VCs

 

 

Crédito: Pantera Capital

A resposta está no estágio das empresas, antes o cenário de mercado era mais inicial, fazia sentido buscar teses com grandes mercados, bons times e em um estágio mais inicial. Agora, o mercado está mais consolidado, e acredito que o próximo ciclo será marcado pela consolidação de grandes protocolos que já desenvolveram seu produto, com aquisições de empresas, projetos e ativos que possuem produt market fit – um produto já consolidado.

Em outras palavras, o foco e a forma que o investidor deve analisar o mercado, assim como a estratégia para aproveitar esse ciclo, será diferente do último, apesar de estarmos em um dos melhores momentos para se investir em cripto.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui