Diretores da rede municipal de Lajinha recebem homenagem especial

242

Alguns séculos atrás, para serem alfabetizados e adquirirem outros conhecimentos, os estudantes precisavam frequentar classes improvisadas na casa de um professor ou em prédios públicos mal conservados. Este sistema de ensino mudou em 1889, com a Proclamação da República.

Desde então, Instituições de ensinos foram estabelecidas no país e a fiscalização dessas não poderia ser desempenhada a distância pelos inspetores. Era necessário ter alguém dentro da escola e, dessa forma, surgiu o cargo de diretor.

Competia a ele fazer a interlocução junto ao governo e definir as diretrizes pedagógicas e administrativas dos grupos. Quem exercia a função era frequentemente chamado para assinar artigos em jornais e revistas, fazer conferências e se tornar conselheiro de secretários de estado.

Hoje em dia, o diretor escolar precisa exercer funções importantíssimas que alcançam praticamente todos os setores da escola.

Como administrador necessita manter a escola sempre dentro das normas do sistema educacional, seguir portarias e instruções e ser exigente no cumprimento de prazos.

Como pedagogo precisa valorizar a orientação pedagógica, a supervisão, o projeto pedagógico e a qualidade de ensino.

E como sociocomunitário deve se preocupar com a gestão democrática e a participação da comunidade.

Nada mais justo, portanto, ter uma data dedicada ao diretor escolar.

Em Lajinha, uma festa em homenagem aos Diretores da Rede Municipal de Ensino aconteceu no dia 20/ 10 (Sexta-feira), foi oferecida pelo Prefeito Sebastião Moreira Bastos, o Vice-Prefeito Adriano Rangel de Oliveira Alvim e a Secretária Municipal de Educação Maria Luiza Azine Vítor.

Com início às 19h num ambiente agradabilíssimo, os diretores se confraternizaram com um churrasco e show com Paulo Mendonça.

“O Diretor de Escola é muito importante e se diferencia. Faz a equipe diferenciar-se. Não basta administrar a escola pública. É preciso liderar e criar condições para transformar o conceito de escola pública, de escola do governo para escola do povo. O Diretor de Escola deve estar no centro do processo, liderando, articulando, sendo diferente. E apesar de todas as dificuldades encontradas vale a pena estar numa gestão escolar.” Fala de Maria Luiza Azine Vítor Secretária Municipal de Educação.

Essa foi uma singela homenagem aos Diretores da rede municipal de ensino de Lajinha que ainda ganharam um singelo presente.

Maria Luiza

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui