Governo de Minas entrega reforma de escolas estaduais

209

Governo de Minas entrega reforma de escolas estaduais nas cidades de Ibiraci e Itabira.  Antes de entrar, já é possível ver as mudanças ocasionadas com as obras na Escola Estadual de Ibiraci, no Sul do Estado. O portão novo e as grades na parte da frente são apenas algumas das intervenções que podem ser vistas na escola que atende a cerca de 1.400 alunos, ou seja, mais de 10% da população do município de Ibiraci, que conta com aproximadamente 12,1 mil habitantes. Com as intervenções no espaço, a escola ganhou mais quatro salas de aula, uma quadra coberta, além da troca de piso dos corredores e pintura de todo o prédio. Para que o espaço ficasse de cara nova, o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Educação (SEE), liberou cerca de R$ 640 mil. O novo espaço foi apresentado nesta sexta-feira (22), com a sua inauguração.

“Toda mudança é feita com o objetivo de motivar e melhorar o aprendizado do aluno durante a sua permanência na escola. A quadra coberta, por exemplo, previne os estudantes do sol e da chuva, além de possibilitar a realização de trabalhos de arte, como teatros e reuniões que a escola venha a fazer com a comunidade”, avalia a vice diretora da escola, Nilza de Andrade Oliveira e Silva.

Para comemorar esse momento de mudança na comunidade escolar de Ibiraci, a escola preparou uma série de atrações que foram apresentadas durante a inauguração. O Hino Nacional foi executado pelo coral da cidade, outra apresentação musical ficou por conta do professor de Educação Física. A escola atende a estudantes que cursam os anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio, além de alunos da Educação de Jovens e Adultos de toda a educação básica.

Na Superintendência Regional de Ensino de São Sebastião do Paraíso, este mês de julho está sendo marcado pela inauguração de obras em escolas. Além da Escola Estadual de Ibiraci, foram inauguradas no último dia 15 obras em três outras escolas. São elas: reforma e ampliação da Escola Estadual Doutor Tancredo de Almeida Neves, em São Tomás de Aquino; construção de quadra coberta na Escola Estadual Coronel Lucas Magalhães, em Arceburgo e a também construção de quadra coberta da Escola Estadual Doutor André Cortez Granero, em Guaxupé. O recurso total investido pela Secretaria de Estado de Educação nessas obras foi de aproximadamente R$ 1,5 milhão.

Inauguração em Itabira

Em Itabira, na região Central do Estado, outra escola também teve inaugurado o seu novo espaço nessa quinta-feira (21). A Escola Estadual José Ricardo Martins Fonseca atende cerca de 370 alunos dos ensinos fundamental e médio e com novo espaço, que conta com laboratório de informática, sala de vídeo e quadra coberta, estudantes e professores vão ter a oportunidade de expandir os projetos desenvolvidos, como o Escola Viva, Comunidade Ativa (EVCA). Para a execução das obras, a Secretaria de Estado de Educação liberou cerca de R$ 600 mil, via Caixa Escolar.

As mudanças no espaço físico não param por aí. Rampas entre as instalações do prédio e nos banheiros foram feitas visando à acessibilidade dos alunos que possuem alguma necessidade especial. A escola também teve reformada as suas redes elétrica, hidráulica, telhado, troca de pisos, porta e janelas e a pintura de todo o prédio. “A nossa escola é a única escola do bairro. O novo espaço não vai ser de utilidade apenas para os alunos. A escola se abre também para eventos de igreja, de lazer e festas de final de ano organizadas por empresas”, lembra a diretora Claudinéia Ferreira.

A relação com a comunidade do entorno pode ser vista dentro do EVCA. O projeto atende a 24 estudantes da escola que participam da oficina de Futsal Masculino, dada por um voluntário do bairro. “Coma quadra coberta o projeto até ganha um estímulo para sua continuidade”, adianta a diretora da escola. Ainda pelo projeto, a escola recebeu recurso de R$ 18 mil para a compra e instalação de equipamento de segurança eletrônica.

O Laboratório de Informática ganhou 20 computadores conectados à internet. “Os nossos professores já foram orientados a utilizar as novas instalações do prédio em suas aulas”, explica a diretora.

 

Agência Minas

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui