Ele de novo Ronaldo o fenômeno

50

Ronaldo brilha e Timão supera o Atlético Furacão arma boa defesa, mas Fenômeno fura duas vezes e leva Corinthians para as quartas
capa4_070509_001405Com os dois gols marcados nesta quarta, Ronaldo chegou a dez e é o artilheiro do Timão (Foto: Ari Ferreira)

Ele de novo Ronaldo o fenômeno, mais uma vez faz a torcida Corintiana vibrar, com a atuação e os gols fenomenais, diante de um paredão que encontrou pela frente, mas com ótima atuação, passou pelo Atlético-PR por 2 a 0 e se classificou para as quartas-de-final da Copa do Brasil. Com dois gols fenomenais, o Timão espera o vencedor de Goiás e Fluminense.
O desfecho do primeiro tempo já era previsível desde o fim do confronto de Curitiba: o Corinthians no ataque e o Atlético-PR na defesa, apostando na velocidade de Wallyson e Marcinho.
A Fiel Torcida em casa, empurrando pela torcida, esbarrou na fortíssima marcação do adversário, que fez Ronaldo aparecer pouco no primeiro tempo. Mas quando apareceu, levou perigo em uma finalização e deixou os companheiros em boas condições de gol.
Elias seria uma boa opção para furar o bloqueio do Furacão. Sem ele, Dentinho e Jorge Henrique abriram para jogar com os laterais, mas foram bem marcados. Quando se aventurou na frente, o Atlético tentava aproveitar as falhas do Corinthians e, em uma de Alessandro, Wallyson recebeu bem e acertou a trave.
O Corinthians voltou tentando entrar na defesa pelos lados, por cima, com os meias, mas precisava ser fenomenal. Ao seu estilo, Ronaldo girou sobre o marcador, conseguiu um pouco de espaço e chutou no canto de Galatto para abrir o placar.
O gol acabou com a retranca atleticana, que precisou se abrir para tentar o empate. O novo estilo de jogo favoreceu o Corinthians. E Ronaldo, de novo, apareceu. O Fenômeno foi derrubado por dois marcadores dentro da área. Ele bateu e marcou seu segundo gol e chegou a dez na temporada, se igualando a Chicão na artilharia da equipe em 2009.
O Furacão ainda tentou atacar. Geninho colocou Jorge Preá e Júlio César em campo, mas não conseguiu assustar a classificação corintiana.
FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 0 ATLÉTICO-PR
Estádio: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/hora: 6/5/2009, às 21h50
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Paulo Ricardo Silva Conceição (RS) e José Antonio Chaves Franco Filho (RS)
Renda/público: R$ 1.049.854,00/ 32.252 pagantes
Gols: Ronaldo, 10’/2ºT (1-0), Ronaldo, 23’/2ºT (2-0)
Cartões amarelos: Diego, Jorge Henrique e Cristian (Corinthians); Gustavo, Rodolpho, Antônio Carlos e Raul (Atlético-PR)
Cartões vermelhos: não houve
CORINTHIANS: Felipe, Alessandro, Chicão, Diego e André Santos (Wellington Saci, 28’/2ºT); Cristian, Boquita e Douglas (Fabinho, 33’/2ºT); Jorge Henrique, Dentinho (Morais, 17’/2ºT) e Ronaldo. Técnico: Mano Menezes.
ATLÉTICO-PR: Galatto, Gustavo (Renan, 21’/2ºT), Rhodolfo e Antônio Carlos; Raul, Jairo (Júlio César, 26’/2ºT), Chico, Marcinho e Marcio Azevedo; Wallyson (Jorge Preá, 33’/2ºT) e Rafael Moura. Técnico Geninho.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui