Começou no sábado a multivacinação das crianças menores de 5 anos

147

O objetivo é atualizar a caderneta infantil e garantir a proteção de mais de 1 milhão de crianças no Estado. A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES), em parceria com Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte abriram oficialmente no sábado (18), a segunda etapa da Campanha de Multivacinação. O evento foi realizado no Parque Conjunto Estrela Dalva, na região Oeste de Belo Horizonte.

Atividades lúdicas e culturais foram realizadas como forma de atrair as crianças para a vacinação, durante o evento, elas puderam se deliciar com algodão doce, pipoca e se divertir nos brinquedos como piscina de bolinhas e pula-pula.

Com o slogan “Vacinação em Dia”, a meta é vacinar cerca de 1,2 milhão de crianças em todo o Estado. O objetivo é afastar doenças como o sarampo e a poliomielite e controlar outras doenças imunopreveníveis, como a difteria e a coqueluche, por exemplo. Toda criança menor de 5 anos de idade deverá comparecer aos postos fixos e volantes para ser vacinada e ter sua caderneta de saúde atualizada.

Nesta campanha estão sendo oferecidas todas as vacinas do calendário básico de vacinação: BCG, hepatite B, tetravalente, pentavalente, vacina inativada poliomielite (VIP), vacina oral poliomielite atenuada (VOP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral, tríplice bacteriana (DTP).

Novidades

Essa segunda etapa da Campanha de Multivacinação possui duas novidades: A primeira é a substituição da vacina Tetravalente, que protege contra a difteria, tétano, coqueluche e doenças invasivas causadas pelo Haemophilus Influenzae tipo B, pela vacina pentavalente, que agrega às outras a vacina contra a hepatite B, diminuindo assim o número de injeções que as crianças devem tomar. A segunda, é que a partir de agora a vacina contra a poliomielite não será mais por via oral, mas sim injetável.

A coordenadora de imunização da SES, Tânia Brant explicou com mais detalhes o motivo dessas mudanças, “o nosso objetivo nesse momento é ter certeza que todas as crianças em Minas Gerais e do Brasil estão com a vacinação em dia. E nós estamos aproveitando essa segunda etapa da campanha de vacinação para implantar duas novas vacinas. A primeira é a vacina pentavalente, antes trabalhávamos com a tetravalente que protege contra difteria, tétano, coqueluche e meningite por Haemophilus, com a pentavalente nós acrescentamos a vacina da hepatite B, portanto vantagem é que agora as crianças ao invés de tomarem 3 agulhadas da tetravalente e outras 3 da hepatite B, agora ela precisar receber 3 injeções. Reduziu pela metade o número de injeções e isso para as crianças é uma vantagem. Também estamos iniciando a implantação da vacina da pólio injetável, o que garante às crianças 100% de proteção.  A oral não dava 100% de imunidade, ela ficava em torno de 90 a 95%”, explica.

A campanha é mais uma estratégia envolvendo a União, Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde. A Campanha se estenderá até o próximo dia 24.

Agencia Minas

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui