Gasolina brasileira custa o dobro da americana

239

Estudo mostra que preço mais alto é encontrado na Alemanha, onde litro vale R$ 3,68

O consumidor brasileiro paga 97% mais caro pelo litro da gasolina em relação ao motorista dos Estados Unidos. No Brasil, o preço médio do litro do combustível custa R$ 2,55, contra R$ 1,30 nos EUA.

O levantamento foi feito pelo R7 com base em dados da IEA (Internacional Energy Agency, a agência internacional de energia) e da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) de dezembro último.

O Brasil tem a terceira gasolina mais barata entre os nove países analisados pela IEA – os demais são França, Itália, Alemanha, Espanha, Reino Unido, Japão, Canadá e Estados Unidos. A gasolina mais cara é a da Alemanha (R$ 3,68). A segunda posição do ranking é da Itália, onde a gasolina valia R$ 3,61 em dezembro. A França completa o pódio, com R$ 3,55 por litro do produto do petróleo.

O menor preço, segundo a IEA, foi encontrado nos Estados Unidos, onde um litro de gasolina custa para o consumidor R$ 1,30. No Canadá, o preço do produto é de R$ 1,74 por litro. O Brasil tem a terceira melhor marca, com R$ 2,55 – preço médio final de dezembro, segundo a ANP. No entanto, segundo o último levantamento da ANP, com base em dados de 17 a 23 de janeiro, a gasolina está ainda mais cara. O preço médio do combustível subiu para R$ 2,58.

A gasolina é mais barata nos Estados Unidos porque o governo americano banca parte do valor, por meio da redução de impostos, que é repassado ao consumidor. Lá, o produto é usado não só nos tanques dos automóveis, mas também como combustível para os aquecedores das residências.

Alcool x gasolina no Brasil

De acordo com o último levantamento da ANP, só compensa abastecer o carro com álcool em quatro Estados brasileiros – Goiás, Mato Grosso, Pernambuco e Tocantins. O proprietário deve dividir o preço do álcool pelo da gasolina para descobrir qual combustível compensa. Se a conta der acima de 0,70, é melhor abastecer com álcool.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui