História das histórias presidenciais do Brasil

278

O voto é a melhor arma do povo brasileiro

Por Devair G. Oliveira
Há 38 anos, era realizada uma das maiores manifestações públicas da história do Brasil. No dia 10 de abril de 1984, mais de um milhão de pessoas participaram do famoso comício das Diretas Já em frente à Igreja da Candelária, no Rio de Janeiro.

Segundo os organizadores um dos objetivos da manifestação era restabelecer a democracia no País, que no momento estava em uma forte recessão econômica, com altos níveis de inflação. O descontentamento da população era evidente e a mudança era algo necessário para os brasileiros. O movimento Diretas Já, teve uma grande importância na redemocratização do País.

Política é mesmo uma coisa inexplicável, as vezes o povo tem um bom governante, olhando pelo lado financeiro um país de terceiro mundo, não tem as mesmas condições de um país desenvolvido para dar o melhor para seu povo, na realidade se conversarmos com pessoas com mais de 70 anos que vivenciaram o período em que governaram o Brasil os cinco generais, com certeza vão dizer que foi um período de muitas realizações, período de grande crescimento e de grandes obras e um período de muita tranquilidade, não tinham esta violência desenfreada que temos hoje, o país vivia o pleno emprego.

Período dos governantes militares: general Castello Branco (15.04.1964 a 15.03.1967); General Costa e Silva (15.03.1967 a 31.08.1969); Governo Provisório-Junta Militar (Augusto Hamann Rademaker Grünewald; Aurélio Lyra Tavares; Márcio de Souza Mello – 31.08.1969 a 30.10.1969): assumiram a Chefia do Governo por força do Ato Institucional nº 12/69, durante o impedimento temporário do Presidente da República; General Emílio Médici (30.10.1969 a 15.03.1974); General Ernesto Geisel (15.03.1974 a 15.03.1979); e General João Figueiredo (15.03.1979 a 15.03.1985); na política podemos dizer que era feliz e não sabia, depois dos presidentes militares, o Brasil viveu uma descontinuidade de poder em favor do povo e o país passou a ter vário presidentes corruptos, é só pesquisarmos nos jornais para termos uma ideia de muita corrupção, só para se ter uma ideia os governos militares ao deixarem os cargos não levaram nada para casa, já o Lula ao deixar o poder retirou do palácio três caminhões de produtos que deveriam ficar no palácio, isso sem contar os grandes prejuízo causado a nação com uma má administração e muita corrupção, o povo a creditou em políticos errados e por isso nas eleições de 2018 contra tudo e contra todos o povo votou em Bolsonaro

E estamos vivento uma ditadura sem precedente não por conta do presidente, mas sim por um sistema perverso que querem voltar com o presidente que mais prejuízo causou a nação, tudo isso creditado ao STF que fez uma coisa inédita ao decretar a liberdade de um criminoso e colocá-lo como candidato a presidente nas eleições deste ano, hoje o povo brasileiro está indignado, pela falta de liberdade. Acreditamos na sabedoria do povo brasileiro para fazer a limpeza da Pátria através do voto, elegendo os melhores governadores, senadores, deputados para ajudar o nosso presidente Bolsonaro que tudo indica será eleito no primeiro turno.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui