Os pysanky ucranianos

320

A Ucrânia tem uma manifestação artística toda especial: a produção de ovos decorados de Páscoa (conhecidos como pysanka, do verbo ucraniano pee-sank-ee, pysaty, escrever em ovos), que existe desde os tempos pagãos, cerca de 4.000 anos a.C. O povo dessa região adora o Sol, que aquece a terra e possibilita a vida. A decoração de ovos com motivos naturais, escolhidos para suas cerimônias religiosas, tornou-se parte de seus rituais da Primavera (que começa em março no Hemisfério Norte…), servindo como talismãs.

Com a aceitação do cristianismo em 988, os ovos decorados pysanka (plural: pysanky) continuaram tendo importante participação nos rituais religiosos da nova religião, sendo adaptados para representar a Páscoa e a Ressurreição de Cristo. Uma lenda pagã afirmava que o Sol era a mais importante das divindades; os pássaros eram criações divinas, pois eram os únicos a poderem chegar perto do Sol; os homens não podiam alcançar os pássaros, mas podiam obter seus ovos. Assim, os ovos eram objetos mágicos, uma fonte de vida.

Os Hutsuls – ucranianos que vivem nas montanhas dos Cárpatos, na Ucrânia Ocidental – acreditam de fato que o mundo dependia do pysanka. Enquanto os ovos decorados continuarem sendo decorados, o mundo continua existindo. Se o costume acabar, o demônio, na forma de uma horrível serpente, virá engolir o mundo. A cada ano, a serpente – presa eternamente num penhasco – envia seus acólitos para ver quantos pysanky foram criados. Se forem poucos, as correntes se enfraquecem e a serpente pode causar terremotos e destruição.

Significados – Os ovos são decorados com um método batik (corante à base de cera), com trigo, que significa saúde; flores e pássaros, que lembram felicidade e primavera; o triângulo que nos tempos pagãos reunia ar, fogo e água e na era cristã lembra a Santíssima Trindade; galinhas e frangos simbolizam a fertilidade, galos ou folhas de carvalho lembram masculinidade e força.

Pessoas idosas recebem pysanky com cores escuras e/ou sofisticados desenhos, pois sua vida decerto foi bastante movimentada; já as crianças recebem pysanky de cor predominantemente branca, pois sua vida ainda é uma página em branco.

Garotas nunca devem dar aos namorados pysanky sem desenhos nas pontas do ovo, pois a “calvície” nos ovos significa que os namorados deverão perder seus cabelos.

Grupo de pessoas faz fila em frente a cúpula formada por ovos de Páscoa no Monastério de las Cuevas, em Kiev, na Ucrânia, nesta Sexta-Feira Santa. O artista local Oksana Mas utilizou mais de 3.000 ovos pintados a mão para formar a escultura, imagem ao lado

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui