Primeiros 16 corpos do voo 447 chegam a Recife

424
Recife - Avião Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB) com os corpos das 16 primeiras vítimas do voo 447 da Air France que foram transportados diretamente da Base Aérea para o Instituto Médico Legal (IML), para identificação Foto: Valter Campanato/ABr
Recife - Avião Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB) com os corpos das 16 primeiras vítimas do voo 447 da Air France que foram transportados diretamente da Base Aérea para o Instituto Médico Legal (IML), para identificação Foto: Valter Campanato/ABr Primeiros 16 corpos do voo 447 chegam a Recife

Recife – Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) acaba de pousar na Base Aérea de Recife, trazendo a bordo os corpos das 16 primeiras vítimas do voo 447 da Air France a passarem pelo processo de pré-identificação realizado, ainda em Fernando de Noronha, por peritos da Polícia Civil de Pernambuco e da Polícia Federal.

Embora estivesse previsto para deixar o arquipélago até o meio da tarde de hoje (10), a aeronave, um Hércules C-130, só decolou de Fernando de Noronha por volta das 21h10. Segundo o diretor do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), brigadeiro Ramon Borges Cardoso, o trabalho dos especialistas demorou mais do que o inicialmente previsto. Além disso, as condições meteorológicas atrapalharam a operação.

Em Recife, os corpos serão transportados diretamente da Base Aérea para o Instituto Médico Legal (IML), onde a Secretaria de Defesa Social do estado montou uma força-tarefa para concluir no menor espaço de tempo a identificação das vítimas.

Além de contar com 329 papiloscopistas, 105 médico legistas e 167 peritos, o instituto recebeu o reforço de especialistas de Alagoas, do Ceará, da Paraíba e da Polícia Federal. Um perito francês também irá acompanhar os trabalhos, para evitar que todos os procedimentos tenham que ser refeitos no âmbito do inquérito aberto na França. Outros peritos franceses estão chegando ao Brasil para colaborar com a investigação sobre as causas do acidente.

Alex Rodrigues
Enviado Especia ABr

1 COMENTÁRIO

  1. A ruptura com o meu alguém nesta vida causada pelo desastre com o airbus sempre me levará, como um iô-iô, ao impacto da notícia, a certeza da passagem abençoada para outro plano, me remeterá as fases de negação, barganha, culpa, aceitação, sem ordem, sem aviso, mas saudosas. Obrigado meu Deus por cuidar de mim sempre

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui