Atentado no Marrocos eleva para 16 o número de mortos

184

O atentado terrorista ocorrido ontem (28) em Marraquexe, no Marrocos, provocou 16 mortos e 23 feridos, segundo o último balanço divulgado hoje (29). O número de mortos aumentou depois que duas pessoas que ficaram feridas acabaram não resistindo aos ferimentos. As vítimas foram internadas no Hospital Ibn Tofail.

O atentado ocorreu em um café da Praça de Jamâa El Fna, que é frequentada por turistas. Até ontem (28) à noite eram 14 mortos, incluindo franceses e um holandês, além de 23 feridos – dos quais 18 estrangeiros. O governo marroquino não informou detalhes sobre as vítimas estrangeiras.

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) e o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, condenaram o atentado. Para Ki-moon, o ato foi “odioso”. Ontem à noite, o Itamaraty divulgou nota oficial lamentando o ocorrido e prestando solidariedade às famílias das vítimas.

“O governo brasileiro expressa solidariedade ao governo do Reino do Marrocos e às famílias das vítimas do atentado terrorista”, diz a nota. “O governo brasileiro reitera seu repúdio a todas as formas de terrorismo praticados sob qualquer pretexto.”

 

Agencia Brasil

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui