Gripe A: Homem morre após tomar vacina

291

A agência sueca do medicamento está a investigar a morte de um homem 12 horas depois de lhe ter sido administrada a vacina Pandermix contra o vírus da gripe A, que vai começar a ser administrada em Portugal a partir de segunda-feira.

Num primeiro relatório sobre os efeitos secundários da vacina, a agência sueca refere cerca de 100 casos com reacções adversas, seis dos quais avaliados como graves e o caso mortal.

A vítima mortal sofria de aterosclerose grave, que lhe provocava problemas sérios ao nível do funcionamento dos órgãos. Além desta doença, a autópsia revelou ainda que o homem tinha sinais de vários enfartes de miocárdio sofridos anteriormente. O caso está a ser investigado, mas a agência sueca sustenta que até ao momento não há qualquer ligação entre a vacina e o óbito.

Os restantes cinco casos graves prendem-se com sintomas de tonturas e comichões, pressão no peito, dificuldades respiratórias e inchaços.

O Infarmed, que em Portugal controla a qualidade dos medicamentos, ainda não foi notificado deste caso.

Correio da Manhã Portugal

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui