Japão se reunirá hoje com à ONU

255

coreia-do-norteAs autoridades japonesas logo após o lançamento de um foquete, realizado pela Coréia do Norte, na noite de sábado 04/04/09, o Japão solicitou uma reunião de emergência do Conselho de Segurança das Nações Unidas. De acordo com informações do setor de inteligência norte-americano, a primeira etapa do míssil caiu no mar e as demais foram parar no Oceano Pacífico, contrariando a versão da Coréia do Norte que afirmou ter realizado o lançamento de um satélite de comunicações, que marcaria o lançamento do programa espacial do país, mesmo sem nenhuma informação do projeto ter sido divulgada. De acordo com o país, a ação foi realizada com êxito.
Já a Coréia do Sul garante que nenhum objeto chegou em órbita e diz que o foguete era um míssil. O lançamento ampliou a crise envolvendo a Coréia do Norte com a Coréia do Sul, Estados Unidos e Japão.
O porta-voz do governo japonês, Takeo Kawamura, denunciou que o lançamento viola as resoluções da ONU, assegurou que responderá com um forte protesto e disse que vai colaborar com os países mais afetados por esta ação, sem especificar de quais se trata.
A reunião será neste domingo, segundo a agência japonesa “Kyodo”, e nela se prevê que o Japão peça um fortalecimento das atuais sanções do organismo internacional sobre a Coreia do Norte, postura que a Coreia do Sul apoiará.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui