Presidente interino de Honduras está disposto a negociar com Zelaya

271

O presidente interino de Honduras, Roberto Micheletti, afirmou que está disposto a dialogar com o presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, segundo informações da BBC Brasil. Contudo, Zelaya deve se comprometer a realizar as eleições marcadas para o fim de novembro. O presidente deposto continua refugiado na embaixada do Brasil em Honduras.

Num comunicado lido em rede nacional, na noite de ontem (22), Micheletti disse que a volta de Zelaya ao poder, como querem os negociadores internacionais e o Brasil não é viável. Ele disse ainda que uma eventual negociação entre Zelaya e o Executivo hondurenho não invalidaria o pedido de prisão feito pelo Judiciário.

A comunidade internacional ainda tenta negociar o impasse em Honduras. Ontem (22) o Brasil pediu uma reunião extraordinária do Conselho de Segurança das Nações Unidas para discutir a questão. A preocupação brasileira é com a integridade de Zelaya e da embaixada.

Ontem, a polícia dispersou os manifestantes pró-Zelaya que estavam em frente à embaixada do Brasil, em Honduras, com bombas de gás lacrimogênio e balas de borracha. Alguns deles ficaram feridos.

O secretário-geral da Organização do Estados Americanos (OEA), José Miguel Insulza, pretende viajar a Honduras para ajudar nas negociações, mas a ide dele ainda não foi confirmada.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui