Polícia encontra fábrica de fuzis em Minas Geraes

98

Por Devair G. Oliveira
Na última quarta-feira (11/10) a Polícia Federal (PF) encontrou em uma suposta fábrica de móveis, no bairro de Calafate, na região oeste de Belo Horizonte (MG), uma série de materiais e equipamentos próprios para a montagem de fuzis.

Polícia Federal encontrou, ainda, um caderno de anotações com instruções “que indicam que o grupo criminoso realiza a fabricação e montagem de fuzis”. “Os indícios apontam que o armamento é posteriormente enviado ao Rio de Janeiro, onde é comercializado e distribuído para as facções criminosas que atuam nas comunidades do estado”, aponta o comunicado da PF.

Além dos equipamentos, foi encontrado na residência do principal alvo da operação — que não teve sua identidade revelada e foi preso na última terça-feira (10/10) — um veículo de luxo, uma Lamborghini, avaliada em R$ 1 milhão. Segundo a PF, o suspeito mantinha uma vida luxuosa, com uma casa no bairro de Lourdes, na região Centro-Sul da capital mineira, e administrava empresas na região metropolitana.

A operação War Dogs cumpriu 10 mandados de busca e apreensão no Paraná e em Minas Gerais, “em desfavor de um dos maiores fabricantes de armas do país”, segundo nota divulgada pela PF, é um dos desdobramentos da operação de terça, no Rio de Janeiro, em que três homens foram presos em flagrante com 47 fuzis e centenas de munições.

O nome da operação faz referência ao filme americano de 2016, Cães de guerra, que aborda o tráfico internacional de armas.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui