Polícias e bombeiros montaram operação de busca na mata do Mutuca

303
Médica está presa no Ceresp Sul e é suspeita de envolvimento nos crimes

Bombeiros aguardam cães farejadores e reforços para entrarem na mata da Vale, em Nova Lima, para tentar localizar as cabeças e os dedos dos dois empresários mortos no último sábado (10).

Uma grande operação começou na mata localizada abaixo do Viaduto do Mutuca, sentido Rio/BH, para tentar localizar as cabeças e os dedos dos dois empresários mortos no sábado (10). Participam da operação policiais militares, civis, federais e equipes do Corpo de Bombeiros. De acordo com a Polícia Civil, uma testemunha que passava pelo viaduto na noite de sábado (3) teria visto uma pessoa saindo de um Vectra preto, possivelmente o de Rayder Rodrigues, e jogado alguma coisa na mata.

Larissa Glicorcea e o empresário Rayder Rodrigues, morto no sábado

Pela manhã, a médica Gabriela Ferreira Correa da Costa prestou depoimento no departamento de Investigações (D.I.) sobre as mortes dos empresários Rayder dos Santos Rodrigues , 38 anos, e Fabiano Ferreira Moura, 32, por uma suposta milícia que estaria extorquindo comerciantes de um shopping popular de BH. Os corpos dos dois foram decapitados e carbonizados, em Nova Lima.

Gabriela teve prisão preventiva decretada na noite de quinta-feira (15) e está presa no Ceresp Centro-Sul. Ela chegou usando o uniforme da Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi), acompanhada por duas agentes de segurança. Logo em seguida, outra viatura da Suapi chegou ao D.I. levando o empresário Frederico Flores para novo depoimento. Dois advogados de Larissa Glicorcea, um deles identificado como Rafael Pires, além do advogado de Frederico, Luiz Alberto de Oliveira, também estão no Departamento de Investigações

Polícias e bombeiros montaram operação de busca na mata do Mutuca

Gabriela é apontada como a responsável pelas transferências de dinheiro das contas bancárias dos empresários Rayder dos Santos Rodrigues , 38 anos, e Fabiano Ferreira Moura, 32, mortos por uma suposta milícia que estaria extorquindo comerciantes de um shopping popular de BH. Os corpos dos dois foram decapitados e carbonizados no último sábado (3), em Nova Lima.

Larissa Glicorcea, 22 anos, namorada de Rayder e filha do garçom norte-americano Adrian Gabriel Glicorcea, 45 anos, um dos suspeitos presos por envolvimento com a quadrilha, era aguardada para esta sexta-feira, segundo garantiu o delegado Edson Moreira. Cinco dias depois das denúncias feitas por Adrian, a polícia ainda está a procura das cabeças e dedos das vítimas.

A ex-mulher de Rayder, Tatiane Rodrigues, que denunciou ter sofrido ameaças da quadrilha, Na tarde de quinta-feira, prestou depoimento no D.I. O cabo PM André Luiz Bartolomeu, e Sidney Eduardo Benjamin, ambos suspeitos de participarem do assassinato dos empresários. Estão presos Adrian Gabriel Glicochea, Arlindo Lopes, Frederico de Castro Flores e o Policial militar Renato Mozart.

De acordo com o delegado Edson Moreira, todos os depoentes estão culpando o empresário Frederico Flores (o “Fred”), que está preso no Ceresp São Cristóvão. Ele é suspeito de liderar uma milícia que teria matado 21 pessoas e atuaria em shoppings populares, extorquindo comerciantes. O delegado não negou a existência desta quadrilha, mas disse que o fato ainda está sob investigação.

Edson Moreira classificou Fred como uma “pessoa fria”, que segundo ele teria até mesmo aumentado o volume do rádio do apartamento, para abafar qualquer ruído. Segundo apurou o HOJE EM DIA, no domingo foi realizado até um churrasco no apartamento no Sion.

Com informações do Hoje em Dia

3 COMENTÁRIOS

  1. Uma guilhotina nesse cabra safado seria legal.
    Outra coisa… a médica fala que foi coagida, mas… aonde é que o cabra safado conseguia os medicamentos para dopar as vítimas hein ? Não preciso ser detetive para ligar os fatos.

  2. E ai Mineirada e Manhuacuenses Acordem!!!
    Estão reclamando do emplacamento de carros mineiros no ES- e a livre concorrencia???
    Minas alem de investir pouco na Saude, Segurança e Educação, ainda quer reclamar.
    O que passa os professores em Minas??? Ai cidadãos – voces sabiam que o ES paga o dobro do salario de MG para os professores???( Só uma dica!!! no último concurso para professor no ES,Só como exemplo, numa sala de 40 candidatos tinham quase 30 mineiros – no levantamento!!! Belo choque de gestão!!!

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui