Autoridades discutem melhorias no acesso ao centro de Manhuaçu via BR-262

798

A prefeita de Manhuaçu, Cici Magalhães, recebeu em seu gabinete uma comitiva formada por representantes do DNIT, da Câmara de Vereadores, da Polícia Militar, do Conselho Municipal de Trânsito e secretários municipais, na manhã de segunda-feira (27/05). O objetivo foi debater melhorias no acesso ao centro de Manhuaçu via BR-262, principalmente próximo ao bairro São Vicente, onde recentemente houve uma intervenção.

O município vem crescendo rapidamente com o passar dos anos. Com isso, o trânsito trouxe uma série de complexidades para o poder público. Mesmo em tempo de crise financeira, que assola centenas de cidades mineiras, a região ainda possui um número elevado de veículos circulando. Principalmente por se tratar de um município polo num raio de pelo menos 100 quilômetros.

Sabendo dessas questões, a prefeita Cici Magalhães convocou a reunião para que, juntos, possam traçar novos rumos ao trânsito da cidade. “Manhuaçu cresceu no entorno da BR-262. Por isso, é fundamental discutirmos o nosso trânsito com todos os atores envolvidos. Estamos trabalhando para criar mais acessos, com rotatórias, por exemplo. Mesmo que seja uma medida paliativa, precisamos melhorar o fluxo de veículos”, comentou.

O presidente do Conselho Municipal de Trânsito, delegado regional Carlos Roberto de Souza, reforçou a ideia de que as intervenções realizadas recentemente impactam no trânsito de toda a cidade. “Todas as aberturas de vias tanto para entrada, quanto para saída de veículos, são positivas. Isso ajuda no fluxo dos veículos. As reuniões servem para alinharmos os trabalhos, principalmente com o DNIT”, explicou.

O presidente da Câmara, inspetor Juninho Linhares, afirmou que a Casa Legislativa apoia a ideia. “Estamos juntos para melhorar o trânsito de Manhuaçu. Nosso objetivo é unir esforços no sentido de resolver os acessos ao centro da cidade via BR-262”, informou. Já o vereador Administrador Rodrigo, também presente à reunião, disse que “é importante ver todas as entidades unidas em prol de uma solução para o nosso trânsito. Vamos continuar acompanhando os trabalhos e contribuindo da melhor maneira”.

 

DNIT

O superintendente do DNIT, Robson Santana, expos as dificuldades do órgão em manter os serviços na BR-262, que iniciam no Espírito Santo e cruzam Minas Gerais. “Atualmente, não temos um contrato com empresa para prestar serviço de manutenção. Elaboraremos um novo edital para, posteriormente, podermos realizar todas as intervenções necessárias em Manhuaçu e nos demais municípios em que a rodovia passa”, comentou.

Ainda de acordo com o superintendente, com a contratação de uma nova empresa por parte do DNIT, será possível realizar o recapeamento asfáltico completo do quilômetro 0, no Espírito Santo, até o distrito de Realeza.

Outro ponto levantado por Robson é com relação à invasão de faixa de domínio por parte de imóveis. Por isso, o DNIT está impossibilitado de realizar importantes intervenções na rodovia. “A solução definitiva será a viabilização do contorno rodoviário. Fora isso, faremos apenas intervenções paliativas”, concluiu.

Será marcada uma visita junto ao Ministério dos Transportes para que seja viabilizado contorno municipal.

 

Secretaria de Comunicação Social – Prefeitura de Manhuaçu

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui