Governador visita Dubai Multi Commodities Centre, com foco na ampliação da exportação de cafés especiais mineiros

39

DMCC comercializa mais de 100 tipos do produto para diversas partes do mundo, incluindo os de Minas Gerais

Minas Gerais é o maior produtor nacional de café. E pensando em ampliar as exportações dos cafés especiais produzidos no estado, o governador Romeu Zema se reuniu, nesta quarta-feira (17/11), em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, com o CEO da Dubai Multi Commodities Centre (DMCC), Ahmed Bin Sulayem. 

A DMCC é a zona franca mais interconectada do mundo e o principal centro comercial e empresarial de commodities, entre elas o café. O produto é comprado em diversos países do mundo e enviado a outros comércios mundiais. Em Minas Gerais, a companhia importa o café da região Sul. A proposta da empresa é tornar Dubai um hub global de comércio da bebida. 

A agenda na DMCC faz parte da missão oficial do Governo de Minas nos Emirados Árabes Unidos. O objetivo é prospectar investimentos e acertar parcerias com empresários locais. Na avaliação do governador Romeu Zema, ver os produtos mineiros sendo comercializados em Dubai e região é um sinal importante. “Somos o estado que mais produz café no Brasil e temos potencial de ampliar nossa parceria com a DMCC”, destacou o governador, ao lado do secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, que também acompanha a missão internacional e as negociações com as empresas.  

Parcerias

Minas Gerais e Emirados Árabes Unidos já têm parcerias comerciais destacadas e o café é um dos principais produtos exportados aos árabes. Durante o encontro, o governador pode ver cafés mineiros enviados ao exterior, como, por exemplo, o de Carmo de Minas, da região Sul. Romeu Zema também conheceu o processo de torra e a distribuição do produto no DMCC Coffee Center: um espaço moderno que oferece serviços de armazenamento de grãos, processamento, embalagem e entrega do café de acordo com as especificações do cliente. 

Em setembro desse ano, o CEO da DMCC esteve em Minas Gerais, quando tratou sobre o tema exportações de Minas com o vice-governador, Paulo Brant, e a secretária de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Valentini.

Segundo Ahmed Bin Sulayem, o mercado de café, além de promissor, é tradicional na história do Oriente Médio. Atualmente, o DMCC Coffee Center comercializa mais de 100 variedades de café das principais regiões de cultivo como Américas Central e do Sul, além de África e Ásia. 
 

 

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui