Choque séptico causado por bactérias obriga modelo a amputar mãos e pés

133
mariana_bridi
Mariana Bridi está internada num hospital de Serra (ES), com insuficiência renal aguda, depois de sofrer necrose nas mãos e nos pés

Brasília – É considerado muito grave o estado de saúde da modelo capixaba Mariana Bridi, de 20 anos. Finalista por duas vezes (2006 e 2007) do Miss Mundo Brasil, a jovem respira com ajuda de aparelhos, depois de ter as mãos e os pés amputados, em decorrência de agravamento de infecção urinária. Na quarta-feira, a modelo fez uma cirurgia de emergência para conter uma hemorragia abdominal interna, no Hospital Dório Silva, em Serra (ES), no qual está internada desde 3 de janeiro. Mariana também precisa de transplante de rim.

Questionada sobre as condições clínicas da modelo, a Secretaria de Saúde do Espírito Santo divulgou nota, segundo a qual a jovem teve choque séptico, causado por bactérias das espécies Estafilococos e Pseudomonas aeroginosa, tendo como provável foco uma infecção urinária. “A paciente teve o quadro agravado com insuficiência renal aguda, com compressão dos vasos sanguíneos periféricos e com necrose das mãos e pés, causados pelo quadro de septisemia (infecção generalizada). Ela está lúcida, respira com ajuda de aparelhos, continua fazendo hemodiálise, e o quadro é considerado muito grave”, diz o texto.

Em entrevista ao Estado de Minas, o consultor de vendas Thiago Simões, de 29, namorado da modelo há 2 anos, conta que em 30 de dezembro passado Mariana procurou um hospital, após sentir fortes dores. “O diagnóstico inicial foi uma cólica renal. Ela tomou remédios e melhorou do mal-estar. Porém, dois dias depois voltou a sentir dores”. Na segunda vez em que ela retornou ao hospital, os médicos fizeram exame e detectaram infecção urinária. “Desde então, o estado dela só piorou. Ela teve falta de oxigenação nos membros, o que obrigou à amputação das pernas e dos pés”, afirma.

Mariana se submeteu à cirurgia de amputação dos pés na terça-feira da semana passada e das mãos, na terça-feira. Segundo o diretor-geral do Dório Silva, Elmann Rebouças, a modelo já deu entrada na unidade com quadro de infecção generalizada. De acordo com ele, uma das espécies de bactérias (Pseudomonas) é extremamente resistente a diversos antibióticos.

Em 2006, com então 18 anos, Mariana saiu de ônibus de Marechal Floriano, a 50km de Vitória, com destino a Curitiba para participar do Miss Mundo Brasil. Inexperiente, sem patrocínio e guarda-roupa elaborado, a jovem, que viajou mais de 24 horas, conquistou o quarto lugar. “Estou em estado de choque. Ela é linda e quer viver”, afirma Henrique Fontes, diretor do Miss Mundo Brasil. No mesmo ano, foi convidada a representar o Brasil no concurso Face of the Universe, em Gana, África. Ficou em quarto lugar e ganhou os títulos de Face of the Americas e de Melhor Traje Típico.

Em 2007, voltou ao Miss Mundo Brasil, representando Sergipe, depois de a candidata ter desistido. Foi finalista novamente. Em 2008, Mariana participou do Miss Bikini Internacional, na China. “Ela enfrentou representantes de 50 países, ficou em sexto lugar e conquistou o prêmio de melhor corpo”, conta Araújo.
fonte: Rodrigo Couto – Especial para o Correio Brazilense

saiba mais sobre o Choque Séptico, clique aqui>

Fundação Cristiano Varella 728

2 COMENTÁRIOS

  1. ISTO É UM CASO RARISSIMO, MAS EM 2003 ACONTECEU COMIGO POR CAUSA DE FALTA DE CIRCULAÇÃO. TIVE QUE AMPUTAR PÉRNAS E MÃOS, MINHA FAMÍLIA SOFREU MUITO E EU NEM QUERO LEMBRAR, POIS SOFRO ATÉ HOJE, MAS DIGO TENHA FÉ EM DEUS ELE É O DONO DA VIDA ORO POR VOCES.

    Hoje sou uma mulhér de 64 anos e a 6 anos tive uma infeqção e foi necessario amputar mãos e pérnas, o mundo desabou sobre eu e minha familia, hoje sou carente, e dependente de tudo o que você pode imaginar, fui ver prótese eletrônicas para as mãos, e sai muito caro, estou tentando vender o que tenho para conseguir, estou levando a vida, mas não é facil, mas Deus tem me dado forças, estou mandando foto mas não divulguem a mesma, obrigada.
    Sou Santina B Nascimento de curitiba paraná.

    SANTINA B. NASCIMENTO

  2. Há 5 meses perdir o meu filho ele contraiu choque septico, e sofro muito porque os médicos não falaram do que se tratava, se eu soubesse teria tirado ele daquele bendito hospital, ele tinha 4 aninhos e lutava para sobreviver, ele entrou com meningite e saiu morto, com várias doenças no laudo.hoje só Deus para confortar a mim o pai dele e minha família porque ocultaro todas essas doençãs sabemos que Deus sabe o que faz mas temos que fazer a nossa parte para ele nos ajudar.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite um comentário
Por favor digite seu nome aqui